Augusto Aras é vacinado contra a Covid-19 em Brasília

Aos 62 anos, procurador-geral da República recebeu a primeira dose do imunizante de Oxford neste sábado, 24

O procurador-geral da República, Augusto Aras, recebeu neste sábado, 24, a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no posto drive-thru da Torre de TV, em Brasília. Aos 62 anos, o chefe do Ministério Público Federal (MPF) foi imunizado com a vacina de Oxford, que exige um período de intervalo de três meses antes da segunda dose. Alinhado ao Palácio do Planalto, Aras é um dos cotados para a vaga que será aberta no Supremo Tribunal Federal (STF) em julho, com a aposentadoria do decano Marco Aurélio Mello.

Em dezembro do ano passado, o STF decidiu a favor da vacinação obrigatória contra o novo coronavírus. Na ocasião, Aras se manifestou de forma favorável à vacinação obrigatória, alegando que a medida não diz respeito à liberdade individual de escolha do cidadão, mas sim à imunização coletiva da população. Em outro parecer sobre o mesmo tema, o PGR defendeu ainda a competência dos governos estaduais para determinar a vacinação obrigatória contra a Covid-19 em caso de “inação” do governo federal.

Deixe um comentario