Maricá e Niterói fecham contratos para compra da Sputnik V

Laboratório responsável pela distribuição da vacina acredita que a concessão da Anvisa pode acontecer nos próximos dias

Duas cidades do Estado do Rio de Janeiro já anunciaram que fecharam contratos para compra da vacina russa contra Covid-19, conhecida como Sputnik V. Maricá e Niterói, ambas na região metropolitana. são geograficamente muito próximas, quase vizinhas. Maricá é uma espécie de reduto da esquerda no Estado, enquanto Niterói é rica e está com o caixa bastante fortalecido. Maricá fechou contrato para comprar 400 mil doses e vive a expectativa de receber algumas já a partir da semana que vem. Niterói fechou o compromisso de compra de 800 mil doses com valor unitário de quase US$ 10.

Essas duas cidades fazem parte daquela frente de prefeituras e municípios para compra de vacinas importadas. No entanto, Maricá e Niterói, que fecharam acordo com a Sputnik V, aguardam a autorização da Anvisa. É que o imunizante russo ainda não tem permissão emergencial ou definitiva para utilização no Brasil. No entanto, o laboratório responsável pela distribuição da vacina acha que essa concessão poderá acontecer nos próximos dias.

Nesta quinta-feira, 1°, nove estados entraram com pedido de importação da vacina russa junto à Anvisa. As solicitações foram feitas por Bahia, Acre, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Pernambuco e Sergipe. Uma reunião entre governadores e a diretoria da Agência está prevista para a semana que vem. Novos documentos para liberação do uso emergencial da Sputnik V foram entregues ontem, mas não há prazo para uma decisão.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga

Deixe um comentario