Reformas vão trazer competitividade para a indústria nacional, diz Carlos Valter

Segundo o presidente da FIEP, o Brasil tem um grande mercado, mas a competição com a indústria exterior é injusta por causa dos nossos impostos

Jovem Pan está sempre atenta aos desafios e às necessidades do Brasil. Nos posicionamos em momentos decisivos e por isso, novamente, nos colocamos em defesa das reformas e dos projetos fundamentais para o desenvolvimento do país. Para isso, convidamos empresários, lideranças e autoridades para agir, juntos, em prol do futuro da nação. O Brasil não pode mais esperar. “Essa crise da Covid-19 está mostrando claramente a importância da indústria nacional, o quanto é importante fabricarmos insumos e equipamentos aqui no Brasil, e a reforma tributária, que vai ser secundada pela administrativa, é uma chance que a gente tem de dar competitividade para a indústria nacional. Temos um grande mercado no Brasil, uma grande necessidade, mas a competição com a indústria de fora é injusta com as nossas regras e nossos impostos. O Custo Brasil, que todos nós consumidores pagamos, é injusto para o consumidor em geral. E essa injustiça que é cometida com a indústria brasileira precisa que seja corrigida nessa oportunidade que nós temos das reformas que vão ao Congresso Nacional“, afirma Carlos Valter, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP).

Acompanhe a cobertura especial da campanha na página especial do site da Jovem Pan. Clique AQUI.

Deixe um comentario